Será que Deus ainda fala?




Um jovem nos EUA fora ao estudo bíblico numa quarta-feira à noite. O pastor falara sobre ouvir Deus e obedecer à Sua voz. O jovem não pôde deixar de indagar-se “será que Deus ainda fala com as pessoas?”.

Depois da reunião ele foi lanchar com uns amigos e conversaram sobre a mensagem que ouviram.
Vários deles falaram que Deus já os guiara de diferentes maneiras.

Era mais ou menos dez horas quando o jovem começou a voltar para casa. Sentado em seu carro, começou a orar: “Deus, se Você ainda fala com as pessoas, fale comigo. Vou ouvir e fazer o melhor que posso para obedecer.” Enquanto passava pela rua principal de sua cidade, veio-lhe um pensamento estranho: “Pare e compre um litro de leite.”

Ele abanou a cabeça e disse em voz alta: “Deus, é Você que está falando comigo?”
Não recebeu resposta e continuou no caminho de volta à casa.
Mas voltou-lhe o pensamento, compre um litro de leite.

O jovem pensou em Samuel ainda garotinho na Bíblia, como que nas primeiras vezes ele não reconheceu a voz de Deus. (1Samuel 3:2–10). “Tudo bem, Deus, caso seja mesmo Você, vou comprar o leite”.
Não lhe pareceu uma prova de obediência muito difícil.

Ele podia muito bem ficar com o leite para si. Parou, comprou o leite e continuou a caminho de casa. Ao passar por uma certa rua, teve uma forte impressão de que deveria entrar naquela rua.

“Que loucura”, pensou, e passou reto no cruzamento. Mas sentiu novamente que deveria entrar naquela rua.

Ao chegar à esquina seguinte, fez o retorno e dobrou na dita rua, dizendo em tom de brincadeira: “Tá bem, Deus, vou entrar aqui”. Dirigiu por várias quadras e de repente sentiu que deveria parar. Parou junto ao meio-fio e deu uma olhada ao seu redor. Estava numa zona comercial-residencial. O bairro não era grande coisa, mas também não era super perigoso. As lojas estavam fechadas e a maioria das casas com as luzes apagadas, como se as pessoas já estivessem na cama.

Mais uma vez ele sentiu algo lhe dizendo “vá e dê o leite às pessoas naquela casa do outro lado da rua”.

O jovem olhou para a casa. Estava tudo escuro lá dentro. Parecia que ou não tinha ninguém ou as pessoas estavam dormindo. Ele ia abrir a porta do carro mas depois recostou-se e pensou: “Senhor, isto não faz sentido. Aquelas pessoas estão dormindo, e se eu acordá-las, elas vão ficar bravas e eu vou fazer papel de bobo”.

Novamente sentiu que deveria ir entregar o leite naquela casa. Por fim abriu a porta do carro, dizendo para Deus: “Tá bom, se é Você mesmo que está me mandando, vou entregar o leite. Se Você quer que eu dê uma de louco, tudo bem. Vou dar. Quero ser obediente. Acho que pelo menos vou ganhar pontos, mas se ninguém atender vou embora correndo”. Atravessou a rua e tocou a campainha. Dava para ouvir um barulho lá dentro.

Um homem, gritando, perguntou quem era e o que queria. Aí abriu a porta, antes do jovem poder sair correndo. O homem ficou ali na sua frente, de jeans e camiseta, mas parecia que tinha acabado de sair da cama. Tinha um olhar esquisito e não mostrou-se muito contente por ter que atender a um estranho à sua porta.

— “O que você quer?”

O jovem esticou a mão e lhe entregou o litro de leite.

— Comprei para você.

O homem pegou a garrafa e saiu correndo pelo corredor da casa falando alto em espanhol. Saiu uma mulher do quarto e levou o leite até à cozinha. O homem estava atrás dela com um bebê chorando nos braços. O homem também estava com o rosto coberto de lágrimas. Com a voz entrecortada, ele explicou que tinham acabado de orar. Que suas contas foram altas naquele mês e que ficaram sem dinheiro. Disse que não tinham leite para dar ao bebê, e que estavam orando e perguntando a Deus como iam fazer para conseguir o leite.

A esposa lá na cozinha gritou: “Eu pedi para Deus mandar um anjo... Você é um anjo?”

O jovem pegou a carteira e, tirando tudo o que tinha, colocou na mão do homem. Voltou para o carro chorando. Ele sabia que Deus ainda responde à oração.

— Autor anônimo

Um comentário:

Nanda disse...

mensagem linda que jesus continue abençoando vcs!

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...